É Natal, é NATAL, hohoho!

Image v1
dezembro
26
Conhecer os convidados

Por Fernando Oliveira

Domingo foi dia de personalizar 112 cartões de Natal para os Colaboradores da Sumol+Compal Moçambique. O ano passado eram menos... o ano correu bem, precisamos de mais pessoas...

Em cada um ponho uma pequena árvore de Natal, um esboço de Pai Natal, umas renas...

Não tenho jeito nenhum para o desenho, e o resultado final é frequentemente grotesco ou desinteressante.

Porque é que o faço? Não sei se alguém vai notar, se alguém vai dar valor às horas que isto custa a quem não tem jeito nem tempo. Mas alguém pode notar. E para esse, isto pode fazer a diferença.

Para mim, faz toda a diferença. Divirto-me com isto, arrependo-me uma dúzia de vezes, penso em desistir, olho para a pilha que falta e volto à carga. E quando acabar vai saber bem.

É pela disciplina, será pelo esforço?

Acho que é apenas para me lembrar que nem tudo tem que fazer sentido. Que quando nos ocorre uma ideia inusitada a que achamos graça, se encontrarmos alguém do outro lado a achar o mesmo, então ajudamos a que o Universo se alinhe mais um bocadinho.

E às vezes chegam aqueles momentos mágicos, em que alguém abre o cartão de boas festas e nos pisca o olho, ou agradece.

Parecidos àqueles momentos em que um Consumidor nos pisca o olho por uma ideia que correu bem.

“Stake” quer dizer um bocado. Um “stakeholder” deve ser alguém que tem um bocado de nós, às vezes sem que o saiba.

Mas é bom nós sabermos.

Hohoho!

Image